O que é efeito rebote na pele?

O que é efeito rebote na pele?

Quando o rosto está com aspecto oleoso, logo vem a vontade de lavar e remover toda a sujeira, não é? A oleosidade é um bastante incômoda e é a principal causadora de cravos e espinhas no rosto. Apesar disso, ao contrário do que muitas pessoas pensam, lavar o rosto com frequência pode causar o efeito rebote. 

Quer entender mais sobre o que é efeito rebote? Então, acompanhe este conteúdo que explicamos tudo sobre esse problema. Além disso, daremos dicas para você evitar a produção de oleosidade em excesso e indicaremos produtos incríveis para adicionar na sua skincare. Boa leitura!

O que é efeito rebote no rosto?

Peles muito oleosas precisam de uma boa limpeza, com direito a sabonete facial, esfoliação e tonificação. No entanto, a água em abundância pode causar o chamado efeito rebote, o qual ocorre quando removemos de maneira excessiva os resíduos da pele. O problema é que esse sebo serve como hidratação e proteção contra os agentes externos. 

Sendo assim, para compensar, a pele produz mais óleo para evitar o ressecamento e devolver a camada de proteção. A verdade é que qualquer etapa de cuidados com a pele de forma excessiva pode causar danos na área, como o efeito rebote. Desse modo, o ideal é equilibrar os tratamentos e respeitar toda a rotina de skincare.

Como evitar o efeito rebote no dia a dia?

O efeito rebote pode ser causado em todos os tipos de pele – embora a pele oleosa seja o mais comum – a partir do momento que são adotados hábitos ou produtos que interfiram na hidratação natural da região. Para balancear a rotina de cuidados com a pele e evitar o efeito rebote, separamos alguns cuidados certos para aderir ao dia a dia. Veja a seguir:

Faça a limpeza de pele 2 vezes ao dia  

A higienização da pele é fundamental para remover o sebo e evitar o surgimento de acnes no rosto. Contudo, é preciso ter cautela e controlar a vontade de lavar a pele com sabonetes ao menor sinal de oleosidade. Portanto, prefira fazer a limpeza durante a manhã e antes de ir dormir.

Além disso, é importante evitar produtos com substâncias detergentes fortes, que possam causar irritação e ressecamento da pele. Por isso, escolha produtos faciais indicados para o seu tipo de pele e com aspectos mais suaves, e faça a lavagem com água fria para ativar a produção de glândulas sebáceas.

Reponha a água da pele com hidratação

Com o objetivo de restaurar a camada de proteção da pele, reter água, manter a integridade e saúde do rosto, evitando o efeito rebote, a hidratação tem um papel fundamental, mesmo em peles oleosas. Sendo assim, após a limpeza do rosto, aplique produtos hidratantes, ou seja, ao menos 2 vezes ao dia também.

Para uma hidratação eficaz, deve ser evitado produtos gordurosos, prefira dermocosméticos mais leves, de toque seco e que tenham rápida absorção, por exemplo sérum, gel-creme e loções aquosas livres de álcool.

Mantenha a proteção solar

A luz solar também pode provocar a oleosidade da pele. Com isso, é preciso aderir aos protetores solares livres de óleo e com toque seco todos os dias após a limpeza e hidratação. Algumas versões ajudam a controlar a produção de óleo e as opções com cor podem até ser usadas no lugar da base no dia a dia.

Conheça os produtos da Glow Vibes para aderir aos seus cuidados diários e continue a leitura: “Posso usar o mesmo hidratante do corpo no rosto?”.


Publicação Mais Antiga Publicação Mais Recente