Quais as diferenças entre os tipos de ácido hialurônico dos cosméticos?

Quais as diferenças entre os tipos de ácido hialurônico dos cosméticos?

O ácido hialurônico é uma substância muito procurada por diversas pessoas para tratamentos estéticos e rotinas de cuidados com a pele diária. Esse ativo é uma tendência no mercado de beleza e, com isso, pode ser encontrado nos cosméticos e é muito utilizado em procedimentos, como a harmonização facial. 

A popularização do ácido hialurônico se dá pelo fato de não ser uma substância que faz mal para o organismo. Pelo contrário, promove diversos benefícios para a pele e contribui para a melhora considerável da aparência. Descubra, a seguir, a diferença entre os tipos de ácido hialurônico dos cosméticos. Boa leitura!

Ácido hialurônico

O que é ácido hialurônico?

O ácido hialurônico é uma proteína de açúcar produzida pelo corpo de forma natural. Em conjunto com o colágeno e elastina, a substância age como um hidratante, deixando a pele macia, elástica e livre de marcas de expressão. No entanto, à medida que o corpo envelhece, a produção do ácido hialurônico diminui. Sendo assim, se faz necessário a reposição por meio de cosméticos para repor.

Entre os benefícios do uso dos cosméticos com ácido hialurônico, a hidratação é o principal. A substância tem um incrível potencial umectante, evita a perda da água, de forma que ela fique saudável e com aquele Glow! Além disso, o ativo tem a capacidade de recuperar a firmeza da pele.

O ácido hialurônico também tem o potencial de preencher pequenos espaços entre células na pele. Dessa forma, é possível diminuir linhas de expressão, rugas e até algumas marcas de olheiras, uniformizando a textura da pele.

Quais são os principais tipos de ácido hialurônico?

A principal diferença entre os tipos de ácido hialurônico são os pesos das moléculas. Sendo assim, as moléculas mais pesadas, geralmente, ficam na superfície da pele, ou seja, têm menos capacidade de penetrar as camadas. Da mesma forma, as moléculas mais leves conseguem chegar aos níveis mais profundos da derme. Saber diferenciar os tipos dessa substância ajuda a pressupor o resultado do produto no rosto. Veja os principais tipos de ácido hialurônico, a seguir:

  • Polímero cruzado de hialuronato de sódio: o peso molecular é maior e tem como principal objetivo firmar a pele, hidratar e prevenir marcas de envelhecimento precoce; 
  • Hialuronato de sódio: forte ação de retenção de líquidos na pele e, dessa maneira, tem a capacidade de hidratação superficial do rosto; 
  • Hialuronato de hidroxipropiltrimônio: com o peso molecular um pouco mais leve, essa substância consegue chegar em mais camadas da pele e, por isso, prolongar a hidratação;
  • Hialuronato de sódio acetilado: além da forte ação hidratante na superfície da pele, esse ativo é fundamental no controle de retenção de água na região;
  • Hialuronato de sódio: contém o sal sódico do ácido hialurônico, por essa razão, ele tem o potencial de reter o líquido de dentro para fora da textura da pele, o que garante a estabilidade da hidratação;
  • Ácido Hialurônico Hidrolisado: como a molécula é mais pequena, ela consegue penetrar no interior da pele garantindo uma ação umectante prolongada;
  • Ácido hialurônico: é um dos pesos moleculares mais leves, o que garante mais eficiência na hidratação das camadas mais profundas da pele;

O ácido hialurônico pode ser adicionado na rotina de cuidados por meio de cosméticos, como cremes e séruns faciais. Para entender melhor sobre essa substância, leia também “Ácido hialurônico: o que é e por que usar?’’


Publicação Mais Antiga Publicação Mais Recente